RÁDIO CARLOS PITTY

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

POESIA - CANTA, CANTA PASSARINHO

CANTA, CANTA PASSARINHO
(Carlos Pitty) Direitos Reservados

Lá vai o garoto
Correndo no pique do sol.
Chuta bola de direita, chuta de canhoto,
”Muleke” travesso do futebol.

Que alegria esse menino tem,
Faz até ponteio de viola.
No balanço do vai e vem
Fala, canta e chora.

Menino, “muleke” levado
Seu sorriso é contagiante.
Brinca sempre embalado;
Riso, ria, irradiante.

Menino, motivo de felicidade,
Nasceu para sempre brilhar.
Se fico longe, tenho saudade,
Lembro até tua canção de ninar.

Mamãe fala de amor,
Papai tem grande paixão,
Filho que transmite calor:
A batida de nosso coração.

Canta, canta passarinho!
Coração bate: tan, tan!
Sigo brilho deste menino,
Uma estrelinha chamada Yan!


Poesia em homenagem ao meu sobrinho Yan Vitor, um verdadeiro e inquieto passarinho.
(foto acima)