RÁDIO CARLOS PITTY

quarta-feira, 22 de abril de 2009

POESIA - QUANTO SINTO O AMOR

QUANDO SINTO O AMOR
(Carlos Pitty) Direitos reservados

Quando sinto o amor, me entrego ao tempo.
Ao som do vento, ao tic-tac do relógio,
Deixo-me levar então...
Não tenho pressa, mesmo ao me atrasar.

Sou dosagem, remédio e cura,
Mesmo em loucura, gotas de prazer.
Assim é o amor que sinto,
Um doente apaixonado, e isso me basta.

Quando sinto o amor, faço risos em besteiras,
Conto bobeiras em rodas de amigos.
Dissolvo-me à vida à toa,
Faço piadas dos próprios sentimentos que existem em mim.

Sinto-me leve no céu, como folhas no ar,
E mesmo ao cantar, em tons eu choro...
Sou nuvem de algodão,
Cubro-me com o doce manto, sem rodeios ou receios...

Penso no ontem e no hoje que eu vivo,
Então, se preciso, acredito no amanhã que virá.
Vejo-me todo bobo agora,
Em um labirinto perdido de emoções...

Quando sinto o amor, fico ausente do mundo,
Mesmo por um segundo, a felicidade existe em mim.
Iludo-me em idéias, podendo até ser um lobo mau,
Acreditando até em histórias de conto de fadas.

Pelo amor, me jogo do alto, faço loucuras!
E mesmo pela doçura, me sinto criança.
Sinto a total esperança,
De um alguém plenamente apaixonado.

Quando almejo o desejo, não vejo erros.
Aos berros, grito a felicidade do amor.
Em tons de compreensão,
Decifro o mais puro sentimento.

Em meu abraço, você estaria segura,
Eu pularia muros, juntaria continentes.
Como almas-gêmeas,
Seríamos ponteiros de relógio à meia-noite!

Quando sinto o amor, não existe diferença,
Nem há crença maior do que a fé pelo meu amor.
Não existem medos ou cores,
Seríamos combinações de céu e mar, sol e chuva.

Meu beijo é toque, é alma,
E isso acalma... Pois me faz sentir seguro perto de ti.
Sou como anjo, mesmo sem tocar,
Divinamente, estou perto de você!

Quando sinto o amor, me entrego por total,
E o existente é apenas algo natural!
Nada mais que um amor, realista,
Em químicas, vivendo a conexão do mais intenso sentimento!


"NÃO ME SINTO POETA, APENAS ME ENTREGO ÀS PALAVAS, FRASES E CANÇÕES..."
(Carlos Pitty)





VEJA VIDEO